Por que as empresas precisam se preocupar com a segurança e como lidar com isso

As violações cibernéticas têm chamado muita atenção à medida que as empresas que são vítimas de hackers em grande escala são notícia. Esses incidentes levam as empresas a investir mais em segurança cibernética. No entanto, gastar mais em segurança cibernética não ajudará a impedir o roubo de carga e outros crimes de segurança física.

É lógico que as empresas precisam considerar ameaças cibernéticas e físicas ao definir seus orçamentos de segurança. As empresas de manufatura podem aumentar a segurança com essas oito etapas.

Estas 8 etapas ajudarão a impedir o roubo e a fraude dos funcionários

A Santiferr compartilha oito dicas para reprimir o roubo de funcionários e outros crimes.

1. Melhorar controles internos

É aqui que ter processos e procedimentos documentados pode ser valioso. Crie políticas para impedir que o mesmo funcionário lide com tudo relacionado ao financeiro. Isso inclui cheques, reconciliação de contas bancárias, coleta de dinheiro e atividades de contabilidade. É exatamente por isso que as organizações sem fins lucrativos exigem duas assinaturas para verificação de cheques e saques.

2. Realizar verificações de antecedentes

Antes de contratar qualquer novo funcionário, execute uma verificação de antecedentes. É uma das coisas mais simples a fazer, que pode economizar muitas dores de cabeça.

3. Realize auditorias financeiras e de fraude

Uma auditoria financeira ocorre regularmente para verificar se todas as demonstrações financeiras da empresa são precisas e que o desempenho da empresa está à altura das expectativas.

O objetivo dessas auditorias é investigar as finanças de uma empresa para encontrar atividades fraudulentas. A chave para realizar auditorias de fraude é contratar contadores externos. Os auditores examinam extratos bancários, contas de caixa, lançamentos contábeis manuais e outras finanças para identificar transações incomuns e extratos contábeis imprecisos.

4. Processar suspeitos

Algumas empresas ignoram a acusação por medo de publicidade negativa. As empresas que não processam enviam uma mensagem aos funcionários de que eles podem se safar do crime. Sempre existe o risco de alguém descobrir de qualquer maneira. É melhor ser proativo e processá-lo para comunicar ao público que você possui controles para capturar criminosos e que não o tolerará.

5. Treine funcionários

A maioria das empresas realiza treinamento para todos os novos funcionários. Garanta que segurança e ética façam parte do treinamento. A maioria das tecnologias de segurança só pode fazer muito para impedir o crime. Um funcionário pode fazer uma coisa simples para criar um buraco na segurança, como deixar um estranho no prédio. Felizmente, há tecnologia que pode prestar atenção nisso. Mais sobre isso em um momento.

Também é importante realizar um treinamento de reciclagem sobre ética e segurança todos os anos. Ele lembra os funcionários a permanecer vigilantes.

6. Implementar métodos de relatório anônimos

Os funcionários temem retaliação, para não denunciar atividades suspeitas. Apague as preocupações de vingança, possibilitando que os funcionários enviem relatórios anonimamente. Explique como o processo de relatório anônimo funciona. Por exemplo, se o relatório for feito através de um formulário on-line, alguns poderão não fazê-lo. Eles sabem que seu endereço IP pode revelar quem enviou o relatório.

7. Observe o comportamento para obter dicas

Uma das maiores dicas de que um funcionário pode estar cometendo crimes é quando ele faz compras caras que não combinam com o salário da pessoa, como a compra de um carro de luxo. Outro sinal de um problema pode estar cumprindo menos as tarefas de trabalho que lhe foram atribuídas.

8. Instale vigilância por vídeo com monitoramento

Como um funcionário pode deixar um estranho entrar no prédio sem questionar? Isso cria uma brecha na segurança. O estranho pode ser um ladrão. As câmeras de vigilância por vídeo podem fechar essa lacuna, pois podem capturar um estranho que entra na propriedade. Se esse estranho for um ladrão, as gravações em vídeo ajudarão a identificar e capturar o ladrão.

A vigilância por vídeo é uma solução de segurança proativa que pode fazer muito mais do que fechar brechas na segurança. Uma solução de segurança reativa não faz nada até que algo aconteça. Por exemplo, um sistema de alarme de segurança que foi acionado por uma invasão. Quando a polícia chega ao local, os suspeitos provavelmente já se foram. A vigilância por vídeo pode identificar alguém se aproximando da propriedade da empresa, normalmente antes de causar algum dano.

Como a vigilância por vídeo pode impedir o crime e impedir a fraude

Usando uma combinação de análise e inteligência humana, o sistema alerta um operador de segurança treinado que está assistindo câmeras ao vivo de um possível problema. O operador analisa a ação. Se, de fato, houver invasores, o operador de monitoramento poderá emitir um alerta através do alto-falante.

Se os invasores continuarem se aproximando da propriedade, apesar do aviso sonoro, o operador chama a polícia. Enquanto espera a polícia chegar ao local, o operador pode rastrear os movimentos dos suspeitos e permanecer na linha com a polícia. Freqüentemente, a polícia chega e prende o suspeito antes que ocorram danos.

A propósito, o operador não está na propriedade. O operador está localizado em um local seguro em outro local, o que facilita a reação adequada.

Os guardas de segurança no local podem ou não responder adequadamente com base no que a situação exige. Eles são humanos e sua resposta de luta ou fuga pode obrigá-los a fugir. Lembre-se, guardas de segurança não são policiais. Eles não recebem o treinamento intensivo que os oficiais recebem. Alguns guardas de segurança nem precisam ser treinados.

Durante os períodos em que os operadores não estão assistindo ao vivo, as câmeras de segurança continuam capturando tudo. Ocasionalmente, uma empresa descobre que algo acontece dias ou semanas após a ocorrência.

Por exemplo, um fornecedor alega que seu caminhão foi danificado na propriedade. Você solicita uma revisão em vídeo na qual os especialistas pesquisam o incidente para ver o que aconteceu. Eles podem achar que o caminhão chegou à propriedade já danificado. Isso ajuda a evitar fraudes e economiza no custo de uma ação judicial. Os serviços de análise e vídeo análise podem ajudar a reduzir ou eliminar reclamações de seguros e processos judiciais.

Como as empresas podem começar com a segurança eletrônica?

Antes de investigar as soluções de segurança, faça uma avaliação de risco. Isso determina quais soluções de segurança você possui e onde você pode estar vulnerável. Durante a avaliação, você analisará os relatórios de crimes para ver que tipo de crime ocorre perto da propriedade da sua empresa de fabricação.

As empresas geralmente ignoram o estudo dos padrões climáticos e históricos da área para determinar riscos potenciais.

A avaliação de risco também fornece um ponto de partida útil na criação de um plano de segurança. Convém contratar um especialista em segurança treinado na avaliação de riscos. Se você trabalha com uma empresa como a Santiferr, a primeira coisa que fazemos é enviar nossos especialistas em segurança treinados para se encontrar com você em sua propriedade para conversar sobre seus requisitos de segurança.

Após a discussão, nossa equipe personalizará uma solução para você. Essa solução descreve os locais das câmeras, alto-falantes de áudio posicionados estrategicamente e a programação para horas de vigilância remota por vídeo. Você pode querer adicionar outros serviços de segurança, como um sistema de controle de acesso. O que você precisa depende de seus negócios e requisitos.

Você também pode obter seus prêmios de seguro reduzidos. Com a vigilância remota por vídeo, você pode reduzir seus riscos. Também é menos provável que você vá a tribunal quando produz evidências em vídeo que apoiam seu caso.

Sua empresa tem a responsabilidade de garantir a segurança de todos. Um programa de segurança eficaz pode ajudar a proteger seus funcionários, visitantes e ativos. As soluções de segurança certas podem fornecer um ROI rápido e, possivelmente, até aumentar seus resultados.

Como a segurança pode ajudar seus resultados?

Embora seja difícil calcular um ROI tangível na segurança, é essencial usar a tecnologia para resolver alguns dos problemas de negócios que afetam a indústria, como uso de equipamentos pesados, controle de estoque, melhoria da produtividade dos funcionários e turnos de trabalho. O aumento da disponibilidade de soluções personalizadas para resolver cada um desses problemas de negócios ajudou as empresas a usar a tecnologia para melhorar seus resultados.

Tem dúvidas sobre segurança? Contate-Nos.

Compartilhe e comente!

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn